Boletim “Pescado em Análise”: Estratégia de escape 26/03
Comercialização

Boletim “Pescado em Análise”: Estratégia de escape 26/03

Indústrias com filés congelados e preço acessível se mantém equilibradas, mas produtos nobres esfacelam-se com o colapso do food

26 de março de 2020

arroba publicidade
A visão economia x quarentena que deflagrou o conflito entre governadores e Congresso com o presidente ainda monopoliza as redes sociais, mas uma corrente de empresários vem a público para pregar união em busca de saídas da crise. Entre eles, José Ricardo Roriz, vice-presidente da Fiesp: “o momento atual exige convergência e união de forças para mitigar o problema humanitário do vírus.” O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, que indicou o ministro Mandetta e ontem rompeu com Bolsonaro, fala em “estratégia de escape da área de quarentena”.
 
Aqui no Brasil as indústrias com filés congelados e preço acessível se mantém equilibradas, enquanto a cadeia de produtos nobres como atum - da captura à comercialização - esfacelam-se com o colapso do food service. No âmbito institucional, a CNA reivindica medidas de apoio à agricultura enquanto o Mapa publica normativas e portarias fundamentais para a retomada das exportações à União Europeia.
 
Leia aqui o Boletim “Pescado em Análise”: Estratégia de escape desta quinta-feira (26/03).
 
Mercado
O Senado americano aprovou nesta madrugada, por unanimidade, o pacote de US$ 2 trilhões para estimular a economia. É o maior plano da história dos Estados Unidos e representa 10% do PIB daquele país.
 
Aquicultura
Nos Estados Unidos, um projeto de lei no Congresso prevê a aprovação de US$ 300 milhões para o auxílio de aquicultores, como reporta o Undercurrent News. A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) encaminhou à ministra da Agricultura, Tereza Cristina, em caráter de urgência, um conjunto de propostas para que os produtores rurais brasileiros possam superar os transtornos e impactos causados pela pandemia do coronavírus
 
Pesca
Os impactos do colapso da pesca do atum no Rio Grande do Norte chegam à grande mídia com esta reportagem no SBT gravada na empresa Produmar. O vídeo mostra a desvalorização extrema do produto, considerado de padrão exportação, e caminhos que a cadeia busca para contornar os prejuízos.
 
Indústria
As indústrias que operam com filés congelados de preço acessível continuam se sobressaindo na crise. É o caso da Netuno. Os compromissos fechados desde a primeira quinzena de fevereiro estão em atendimento, mas a empresa afirma não conseguir atender a novos pedidos.
 
Varejo
Ontem a Ceagesp suspendeu a comercialização e distribuição de pescado às segundas, quartas e sextas. O funcionamento permanece inalterado às terças, quintas e sábados. Segundo fontes consultadas, a alteração obedece às políticas de restrição de contato físico
adotadas pela entidade, mas também procuram seguir a lógica dos clientes - que estariam separando apenas três dias por semana para fazer as compras.
 
Food Service
O aplicativo de entrega de comida iFood anunciou ontem, ao portal G1, medidas para ajudar os cerca de 140 mil restaurantes que estão na plataforma durante a crise do coronavírus. 
 
Institucional
Em meio ao turbilhão de enfrentamento da pandemia, o Ministério da Agricultura publicou em 23/03 a Instrução Normativa nº 22.
 
 
Leia aqui o Boletim “Pescado em Análise”: Guerra de narrativas desta quarta-feira (25/03).
 
Créditos da imagem: Pixabay
 

Boletim “Pescado em análise”, Ceagesp, Coronavírus, Covid-19, Ifood, Mapa, mercado de pescado, Netuno, pandemia, Tereza Cristina

 
BaresSP publicidade 980x90 bares
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3