Brasil aposta em programa sanitário para erradicar doenças

Brasil aposta em programa sanitário para erradicar doenças

18 de novembro de 2014

arroba publicidade

Crédito da imagem: Brian Rossen


O Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) anunciou a abertura de um período de consulta pública para o projeto de Instrução Normativa que busca instituir o Programa Nacional de Monitoramento Sanitário de Alevinos de Tilápias.


Esta iniciativa faz parte do Plano Nacional de Certificação de Jovens Animais Aquáticos e visa assegurar a melhor qualidade e alevinos saudáveis. O MPA considera que o controle sanitário é uma condição fundamental para o sucesso da cadeia de produção. A intenção é monitorar  microorganismos patogênicos que são relevantes para a saúde animal.


O programa, que inclui Oreochromis, Tilapia,  Sarotherodon e híbridos desses gêneros, visa assegurar a prevenção, controle e erradicação de doenças que afetam a produção desses peixes. A Rede Nacional de Laboratórios (RENAQUA) do MPA vai oferecer o suporte científico necessário para realizar o diagnóstico oficial.


Posteriormente, o MPA, juntamente com a Rede de Epidemiologia Veterinária Colaboração (AquaEpi), deve definir estratégias de certificação sanitária para a produção de larvas de tilápia.  O MPA projeta aumento da produtividade do setor com a implantação do projeto.


Em nota, a instituição afirma que o programa “será um passo importante para a avaliação das deficiências sanitárias existentes no setor, bem como para dar suporte à implementação das demais políticas públicas voltadas para a aquicultura”.


A Portaria do Ministério que regulamenta a consulta pública foi publicada no dia 14 de novembro no Diário Oficial da União.

Brasil, consulta pública, MPA, tilápia

 
BaresSP publicidade 980x90 bares
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3