Canadá é o primeiro país a exportar ovos de salmão transgênico

Canadá é o primeiro país a exportar ovos de salmão transgênico

27 de novembro de 2013

arroba publicidade

A agência ambiental do Canadá aprovou a produção e exportação de 100 mil ovos de salmão geneticamente modificado por ano. Com a decisão, o Canadá se torna o primeiro país a aprovar essa tecnologia. A agência canadense, no entanto, deu aval apenas para a primeira etapa da produção - a fertilização dos ovos, que será feita na Prince Edward Island. A decisão não permite o consumo do salmão transgênico em solo canadense, e a exportação tem como alvo os Estados Unidos.


Segundo a agência reguladora americana, Food and Drug Administration (FDA): “a espécie não produz impactos significativos”. A decisão é o primeiro passo para a comercialização do primeiro animal transgênico para consumo humano nos Estados Unidos, como já informou o Seafood Brasil.

O salmão autorizado pelo Canadá criado pela AquaBoundy é um salmão misturado geneticamente com uma enguia, a vantagem, segundo a empresa, é que pode atingir seu tamanho máximo duas vezes mais rápido.

O Blog do Planeta preparou um gráfico para explicar a polêmica. Confira abaixo.

salmao_final (1)


 

aquaboundy, Canadá, enguia, Estados Unidos, genetica, salmão, trangênico

 
BaresSP publicidade 980x90 bares
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3