“Caviar brasileiro”, de Itajaí, aguça paladar chinês; SC quer triplicar produção

“Caviar brasileiro”, de Itajaí, aguça paladar chinês; SC quer triplicar produção

25 de março de 2014

arroba publicidade

Crédito da imagem: Divulgação


O Brasil já entrou no mapa de produtores de caviar. Elaborada com ovas de tainha, a bottarga, também chamada de caviar brasileiro, está ganhando espaço no mercado nacional e internacional pelo sabor, versatilidade e, claro, pelo preço bem mais baixo. E a produção da região sul do Brasil agora mira o mercado internacional. Recentemente, o país também divulgou outro “caviar” nacional feito com ovas de truta.  


Enquanto um quilo do caviar beluga pode chegar aos R$ 10 mil, a mesma quantidade da bottarga fica em torno de R$ 500/kilo.


Apesar de ser chamada de caviar, a bottarga é um pouco diferente. Para a preparação do caviar tradicional, a fêmea é pescada e retiram dela as ovas. Já a bottarga, é resultado de um processo de secagem e cura no sal. Depois da pesca da tainha, as ovas são retiradas das fêmeas, lavadas cuidadosamente (a membrana que as envolve jamais pode romper-se) e espremidas para evitar que fiquem amargas. Em seguida, entram em contato com o sal, para a desidratação. Ao final desse processo, são secas ao sol.


O método é diferente, mas a aceitação do público está sendo bem grande.  Uma das empresas fabricantes, a Bottarga Gold, de Itajaí (Santa Catarina), produziu quatro toneladas em 2013 e pretende chegar triplicar a produção até 2016. O produto vem ganhando espaço no mercado e na imprensa, já fez parte de Semanas de Gastronomia e está no cardápio de vários restaurantes de São Paulo.


baixa06O Estado é o maior produtor nacional do “caviar” tupiniquim. Com a qualidade do produto, China e Taiwan,  que não conseguem produzir com a mesma consistência, já começaram a importar grandes quantidades.


Para o produtor, a tainha pescada no Brasil entre maio e julho (época permitida por lei como forma de restringir sua retirada em demasia) é mais saborosa, pois o peixe tem uma alimentação variada por viver em alto-mar. "O mesmo não acontece em Taiwan, onde o peixe é criado em cativeiro (em tanques) e à base de ração", diz Cassiano Ricardo Fuck, dono da Bottarga Gold.

bottarga, caviar, China, exportação, gold, importação, Itajaí, ovas, produção, santa catarina, tainha

 
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3