Como escolher melhor peixes frescos pra consumo

Como escolher melhor peixes frescos pra consumo

25 de julho de 2013

arroba publicidade
Crédito da imagem: Peter Fuchs

O consumo de peixe duas vezes por semana é recomendado por nutricionistas, pois estes alimentos são ricos em ômega-3.Para que a refeição com peixe seja perfeita, antes de tudo é preciso comprar a carne certa. E com tanta variedade no mercado, como identificar qual é o mais fresco? Para te ajudar, separamos algumas dicas de quais partes você deve observar antes de decidir.

1 - Aparência

Não pode apresentar manchas, nem furos ou cortes. As escamas têm que estar firmes resistentes e brilhantes. A pele tem de estar úmida e bem aderida.

2 - Olhos

Assim como a pele, os olhos devem estar brilhando com cores vivas e ocupando toda a cavidade ocular. Caso estejam cinza ou esbranquiçados, é mau sinal.

3 - Brânquias

A membrana que reveste as brânquias deve oferecer resistência à sua abertura e a parte interna dela deve estar brilhante. As brânquias devem estar bem vermelhas e não apresentar mucos observados como um líquido pastoso.

4 - Carne

A musculatura firme é uma característica de peixe fresco. Apertando a barriga, seu dedo pode até fazer uma marca, mas ela deve sumir em pouco tempo. A pele deve ser elástica e bem aderida.

5 - Armazenamento

O peixe deve estar mantido sob refrigeração ou sob uma espessa camada de gelo. O cheiro é característico e deve lembrar a maresia.

 

aparência, características, consumo, gastronomia, peixe fresco, refeição, sustentabilidade

 
BaresSP publicidade 980x90 bares
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3