Indústrias chilenas se juntam para conquistar a China

Indústrias chilenas se juntam para conquistar a China

04 de dezembro de 2014

arroba publicidade

Crédito da imagem: Sarah Shuda


Um dos planos mais ambiciosos da indústria salmonera chilena é o que leva adiante quatro companhias de capital chileno para conquistar o mercado da China. O conglomerado chileno pretende dobrar as exportações para a China e vender 40 milhões de dólares em pescado para o país asiático em 2015.


A Camanchaca, Australis, Blumar e Yadrán se juntaram e criaram o “New World Currents”, uma a sociedade que busca gerar volume através de uma só marca para, assim, ser competitiva no gigante asiático.


“A China representa uma porcentagem pequena dos envios do Chile para o mundo, mas tem um potencial cada vez maior. Esse ano a New World Currents encerrara com envios de 2 mil a 2,5 mil toneladas, nós vamos duplicar essa cifra em 2015, com escritório que abrimos em Xangai”, explica o Gerardo Balbontín, gerente geral da Blumar ao site chileno Pulso.


As empresas pretendem abrir um escritório fixo também no Chile e colocar um coordenador de experiência na área para atingir seus objetivos no próximo ano.

Chile, China, salmão

 
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3