70% do comércio em SP se adequou às obrigações sanitárias
Varejo

70% do comércio em SP se adequou às obrigações sanitárias

Pesquisa realizada pela FCDLESP traz ainda outras avaliações sobre o plano, como a de que o período de quatro horas de funcionamento é pouco

23 de junho de 2020

arroba publicidade
Em torno de 70% dos comércios reabertos já se adequaram às obrigações sanitárias do plano anunciado pelo governo paulista, segundo pesquisa realizada pela Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado de São Paulo (FCDLESP) reportada pelo Mercado e Consumo.
 
Entre as medidas adotadas estão o distanciamento social, higienização e sanitização dos ambientes, orientação para funcionários e clientes, além da medição de temperatura dos clientes, diz ao veículo Maurício Stainoff, presidente da FCDLESP.
 
A pesquisa traz ainda outras avaliações sobre o plano, como a de que o período de quatro horas de funcionamento é pouco. “O ideal são as oito horas para ter uma boa distribuição dos clientes e vendas durante o dia”, diz o texto. Diante desse cenário, cinco em cada 10 lojistas preveem a retomada do horário de funcionamento de 8 horas antes de 30 de junho, 30% dos comerciantes a partir de 1 de julho e 20% restantes dos empresários consideram a normalidade após 15 de julho.
 
80% dos comerciantes relatam um cenário pouco otimista sobre as vendas, pois não obtiveram resultados além do esperado em quase 14 dias da reabertura. Porém, 20% dos lojistas começaram a notar uma certa estabilidade após a retomada das atividades.
 
Créditos da imagem: Wikimedia

 
BaresSP publicidade 980x90 bares
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3