Grupo de Israel apresenta projeto para cultivo de peixes no Paraná

Grupo de Israel apresenta projeto para cultivo de peixes no Paraná

27 de agosto de 2013

arroba publicidade

Crédito da imagem: iStockphoto


 O Paraná poderá receber um projeto de piscicultura, com tecnologia israelense, que promete uma revolução nos padrões de cultivo de peixes, em especial a tilápia.


A intenção do projeto é cultivar em cinco represas localizadas ao longo do Rio Paranapanema, que vai desde o município de Ribeirão Claro até Alvorada do Sul, na divisa entre os estados do Paraná e de São Paulo.grupo_israelense

A empresa israelense trabalha com sistema de produção integrada à indústria, ou seja, trabalha com o pescado desde o cultivo e engorda do peixe, até o processo de filetagem e a comercialização dos produtos. Ao governo do Paraná o projeto prevê a parceria para a organização, capacitação e treinamento dos produtores, ou seja, um incentivo ao setor pesqueiro local.

O secretário da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara, disse em comunicado: “Temos interesse em discutir o projeto e ver como podemos compatibilizar esse momento favorável a investimentos com o clamor de produtores e prefeitos do Norte Pioneiro que querem encontrar alternativas que forneçam outra renda para os agricultores”.

Segundo o deputado Abelardo Lupion, que esteve na audiência entre os empresários israelenses e o Ministério de Pesca, a pasta tem um orçamento em torno de R$ 2 bilhões e está disposta a aplicar parte desses recursos em projeto de piscicultura no Paraná.

 

cultivo, Israel, Israelenses, Paraná, projeto, tilápia

 
BaresSP publicidade 980x90 bares
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3