Limite de pesca de atum vermelho subirá 20% nos próximos anos

Limite de pesca de atum vermelho subirá 20% nos próximos anos

20 de novembro de 2014

arroba publicidade

Em Gênova, na Itália, países pesqueiros de atum vermelho decidiram elevar as cotas de pesca no Mediterrâneo e no leste do Atlântico em 20% ao ano durante três anos, informou a organização ambientalista Fundo Mundial da Natureza (WWF).


O controle estrito da cota anual de pesca, fixada em 13,5 mil toneladas em 2014, passará, assim, a 16 mil toneladas em 2015; e depois a 19, 2 no ano seguinte. E em 2017, a cota fixada será de 23 mil toneladas. Entretanto, o número será reexaminado com base em uma nova avaliação das reservas, prevista para 2016, segundo a ONG.


Todavia os limites dos estoques preocupam a WWF. "É difícil para o WWF considerar que 20% de aumento anual durante três anos suponha uma solução moderada. Estamos preocupados com a ideia de que os enormes esforços de conservação (do atum vermelho), feitos nos últimos anos, possam desaparecer rapidamente", dissse Sergi Tudela, encarregado do programa Pesca do WWF Mediterrâneo, à AFP. 


Segundo o comitê científico da reunião, o volume dos estoques do atum vermelho beirava as 150 mil toneladas em 2008 e subiu para 585 mil em 2013. Os cientistas defendem uma elevação "gradual e moderada" da cota anual, diante da incerteza sobre os modelos de avaliação e de projeção.

atum, conta, estoques, pesca, quota, WWF

 
BaresSP publicidade 980x90 bares
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3