Embrapa lança cursos sobre pirarucu em aniversário de 48 anos
Aquicultura

Embrapa lança cursos sobre pirarucu em aniversário de 48 anos

Conforme o Balanço Social 2020, para cada real investido, a empresa devolveu à sociedade R$ 17,11, obtendo lucro social de R$ 61,85 bilhões

30 de abril de 2021

arroba publicidade
Na última segunda-feira (26), a Embrapa fez 48 anos de fundação e, para celebrar, a empresa lançou novos cursos on-line, sendo dois na área de aquicultura: “Criação sustentável de Pirarucu: Da recria ao mercado” e “Criação sustentável de Pirarucu: Reprodução e Alevinagem”.
 
Oferecidos pela Embrapa Pesca e Aquicultura, ambos os cursos possuem carga horária de 40h, são gratuitos e darão certificado aos participantes. As capacitações são resultados de projetos apoiados pelo Fundo Amazônia.
 
“Criação sustentável de Pirarucu: Da recria ao mercado” tem como público-alvo técnicos extensionistas públicos e privados, estudantes de nível técnico e superior, consultores técnicos, lideranças locais e produtores rurais. Interessados devem se inscrever no link disponível aqui.
 
Para a pesquisadora Hellen Kato, responsável pelos treinamentos, a capacitação traz uma imersão completa em todos os aspectos envolvidos na criação da espécie. “O curso está estruturado em módulos independentes, pelos quais o participante poderá aprender no seu ritmo e nos horários que preferir”, explica. No caso do curso “Criação sustentável de Pirarucu: Da recria ao mercado” os módulos são “Recria e engorda do Pirarucu”; “Da despesca ao mercado”; “Sanidade na criação de pirarucus” e “Aspectos econômicos”.
 
No curso “Criação sustentável de Pirarucu: Reprodução e Alevinagem”, o objetivo é ensinar ao participante como identificar as etapas de cultivo de pirarucu: alevino, juvenil e adulto; conhecer estratégias de formação e manejo de plantel de reprodutores de pirarucu, além de informar quais os cuidados nutricionais, sanitários e de manejo necessários nas etapas de alevinagem. As inscrições podem ser feitas aqui.
 
 
Balanço Social e novas tecnologias
 
Os 48 anos da empresa foram comemorados em uma coletiva virtual nesta terça (27), onde o presidente Celso Moretti anunciou que, para cada real investido pelo Governo Federal, a Embrapa devolveu à sociedade R$ 17,11, obtendo um lucro social de R$ 61,85 bilhões.
 
O valor é obtido a partir do cálculo do impacto econômico de uma amostra de apenas 152 tecnologias adotadas pelo agronegócio brasileiro e de 220 cultivares desenvolvidas pela Empresa. Além dos resultados do Balanço Social 2020, Moretti também apresentou os novos lançamentos tecnológicos. “A pesquisa agropecuária feita na Embrapa não parou, superamos as dificuldades com sucesso e continuamos fazendo entregas importantes para a agricultura brasileira. Temos resultados de impacto para mostrar”, destacou.
 
Celso Moretti também anunciou que a Empresa está colocando no mercado mais seis novas tecnologias para uso nas próximas safras agrícolas e na aquicultura. “As tecnologias que apresentamos abarcam diferentes cadeias produtivas e demonstram como a Embrapa está presente em todo o território brasileiro, de Boa Vista, no hemisfério Norte, à divisa com o Uruguai, no Rio Grande do Sul. Na Amazônia, com nove centros de pesquisa, na Caatinga, no Pantanal, no Pampa, na Mata Atlântica e no Cerrado”, destacou o presidente da Embrapa.
 
Créditos da imagem: Jefferson Christofoletti/Embrapa
 

aquicultura, Celso Moretti, Embrapa, Fundo Amazônia, Hellen Kato, Pirarucu

 
BaresSP publicidade 980x90 bares
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3