Organização é a meta da nova chefe da Embrapa Pesca e Aquicultura
Aquicultura

Organização é a meta da nova chefe da Embrapa Pesca e Aquicultura

Danielle de Bem Luiz, quer colocar a ciência a serviço da organização setorial e foi a entrevistada em “5 Perguntas” na Seafood Bras

01 de agosto de 2021

arroba publicidade
A nova chefe geral da Embrapa Pesca e Aquicultura, Danielle de Bem Luiz, quer colocar a ciência a serviço da organização setorial. Danielle foi a entrevistada em “5 Perguntas” na Seafood Brasil #39.
 
Quando a última edição da Feira Agrotecnológica do Tocantins (Agrotins) encerrou a programação científica, a Secretaria de Patrimônio da União (SPU) assinou o Termo de Entrega de 11 áreas aquícolas para criação de tilápia no Estado, com potencial de produzir 50 mil toneladas de peixes. 
 
Além das lideranças do governo do Estado, na foto oficial também estava a nova chefe geral da Embrapa Pesca e Aquicultura, Doutora Danielle de Bem Luiz. Depois de começar a carreira profissional justamente na Embrapa Pesca e Aquicultura, onde atuou na área de Pesquisa, a engenheira de alimentos resolveu retornar à casa pelo “sentimento de pertencimento”, explica.
 
De forma palpável, ela também enxerga que uma forte integração entre as diferentes unidades da empresa e outras instituições parceiras pode render uma estruturação das demandas evolutivas da cadeia produtiva da forma como ocorreu em aves e suínos.
 
Confira a entrevista com Danielle de Bem Luiz na Seafood Brasil #39 que pode ser lida gratuitamente clicando aqui.
 

Agrotins, Danielle de Bem Luiz, Embrapa Pesca e Aquicultura, seafood brasil

 
BaresSP publicidade 980x90 bares
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3