Semana do Pescado: as marcas e empresas na 18ª edição
Comercialização

Semana do Pescado: as marcas e empresas na 18ª edição

18ª Semana do Pescado começa oficialmente na próxima quarta-feira (1) e vai até 15 de setembro

30 de agosto de 2021

arroba publicidade
A 18ª Semana do Pescado começa oficialmente na próxima quarta-feira (1) e vai até 15 de setembro. Para uma das datas mais aguardadas pelo setor, elaboramos um especial com algumas das inúmeras ações que vão acontecer no varejo brasileiro ao longo dos 15 dias de campanha. A data também promete mobilizar importantes empresas do setor.
 
Confira a seguir:
 
Distrito Federal
 
No Distrito Federal, a Emater-DF anunciou que participará da Semana do Pescado 2021 com a realização de oficinas de receitas em supermercados da Capital por meio de parceria com a Associação de Supermercados de Brasília (Asbra), nos dias 1°, 9, 10 e 15, no Super Veneza, Superbom, Big Box e Dona de Casa, respectivamente. Além disso, conforme a Agência Brasilia, no dia 14 de setembro, a programação da mostra agropecuária Expoabra será toda dedicada a palestras técnicas sobre como produzir peixes em Brasília. O evento acontecerá no Parque de Exposições da Granja do Torto.
 
O Mercado do Peixe de Brasília anunciou a realização de promoções para a tilápia durante a Campanha. No local, a tilápia inteira sairá por R$12,90 e a tilápia em postas custará cerca de R$13,00.
 
Ainda no Distrito Federal, a Abrasel-DF confirmou que os seus associados participarão do evento. “Brasília é a terceira cidade que mais consome pescado no Brasil, e precisamos aproveitar esse dado para estimular a movimentação da economia do setor”, explica o presidente da Abrasel-DF, Beto Pinheiro. Com 45 mil toneladas de pescado comercializadas por ano na capital do País, a Semana do Pescado por lá terá diversas casas participantes, além de ações promocionais, oficinas de receitas e eventos gastronômicos. As informações são da 3 Talheres.
 
 
Pará
 
No Pará, a prefeitura de Paragominas anunciou que a comercialização de peixes com valores mais acessíveis será realizada de 1 a 4 de setembro, na Feira do Produtor Rural, no bairro Bela Vista. Em 2021, será ofertado uma grande variedade de pescado para os consumidores, além da promoção de reuniões, encontros e outras ações direcionadas aos piscicultores do município. O evento conta com o apoio da Prefeitura de Paragominas, por meio da secretaria de Agricultura; SEBRAE e Associação Paragominense de Aquicultores.
 
Rio de Janeiro
 
Em São Francisco de Itabapoana (RJ), entre os dias 3 e 7 de setembro, haverá a primeira edição do Festival de Peixes e Frutos do Mar. Durante o período, 18 estabelecimentos em diversas localidades do litoral do município ofereceram pratos promocionais com valores entre R$ 20 e R$ 80. Segundo o Ururaru, o festival da Semana do Pescado, será uma realização entre a prefeitura, comerciantes e a Fundação Instituto da Pesca do Estado do Rio de Janeiro (Fiperj), que coordena os eventos em território fluminense.
 
Nesta segunda-feira (30), representantes dos comércios se reuniram com o vice-prefeito Raliston Souza, para definirem os últimos detalhes do evento, que acontecerá entre os próximos dias 3 e 7. “Além de promovermos nosso turismo, nossa pesca e gastronomia, vamos destacar a importância da vacina para superarmos a pandemia. Eu e a prefeita Francimara Barbosa Lemos contamos com a participação de todos”, afirmou Raliston.
 
portal do Município informou que foi apresentada aos presentes toda a estrutura de divulgação desenvolvida pela prefeitura através da Assessoria de Comunicação (Ascom SFI), como é o caso dos panfletos que serão distribuídos no portal da cidade na sexta-feira (3) e no sábado (4). O material trará todo o cardápio do festival, promovido por intermédio das secretarias municipais de Pesca e de Turismo, Indústria e Comércio (SecTur) em parceria com a Fundação Instituto da Pesca do Estado do Rio de Janeiro (Fiperj). Além disso, um banner será instalado na fachada de cada um dos estabelecimentos participantes para identificar que eles compõem o festival. 
 
 
O encontro contou ainda com a participação do secretário municipal de Saúde, Sebastião Campista, e a subsecretária municipal de Saúde, Thayna Rissa. Ambos reafirmaram a necessidade de cumprir as regras de prevenção à Covid-19, como uso de máscara, distanciamento entre mesas e disponibilização de álcool em gel.
 
Diário do Rio destaca que a Semana do Pescado pretende criar uma cultura do consumo de pescado, além de estimular toda a cadeia de produção, gerar empregos, renda e desenvolver o grande potencial produtivo nas áreas da aquicultura e da pesca. Para isso, o evento conta com o apoio de pescadores, das indústrias de pescado, supermercados, bares e restaurantes.
 
“Estamos unidos para impulsionar a mensagem: ‘Coma mais peixes’. Os comerciantes participantes darão descontos para quem comer peixe nesta quinzena, inclusive o Mercado São Pedro, em Niterói, que está de braços dados com o Siperj, fazendo a divulgação”, adiantou o presidente do Siperj, Sérgio Ramalho.
 
Em 2021, a proposta da Semana do Pescado é promover ações simultâneas em todas as cidades do Rio, ultrapassando ações centralizadas nos grandes polos de produção e consumo de pescado. A Fazenda Dona Branca, por exemplo, em Casimiro de Abreu, fará a despesca entre os dias 1 e 15/9, para a venda peixes in natura a partir de 700g a R$7,50/kg.
 
Já em Resende, o Rei do Mar vai focar suas vendas para o feriado do dia 7 de setembro. Além dos descontos aos clientes, a loja oferecerá petisco e degustações.
 
 
São Paulo
 
No Estado, seguindo o calendário promocional do varejo, a rede Coop Supermercados realizará no período de 1 a 15 de setembro uma campanha com foco na linha de congelados. Para o período, a área comercial da rede projeta crescimento de 15% em relação ao mesmo período de 2020.
 
Com apoio das redes sociais, a Coop reforçará a importância de incluir peixe no cardápio e a facilidade de preparar pratos com a iguaria. O festival ainda visa desmistificar algumas crenças que existem sobre a escolha de alguns tipos de peixes e valor nutricional da linha congelada. Hoje, os mais vendidos na rede são a tilápia, salmão e merluza. Para complementar a ação, a rede também promoverá promoções e ofertas nas categorias de azeite e hortifrúti. As informações são da Folha do ABC.
 
Ainda em São Paulo, o TOPSEA Pescados anunciou que participará da campanha com promoção de filés de tilápia. Também na região, a distribuidora de alimentos Perte fará promoções em seus produtos de pescado.
 
Em Santa Bárbara D'Oeste, a Cabral Pescado também dará descontos em produtos de pescado selecionados durante o período.
Já em Botucatu (SP), a  Peixaria Empório da Tilápia também anunciou promoções em seus produtos.
 
 
 
Santa Catarina
 
Em Itajaí (SC), o município confirmou a realização de promoções de pescado em todos os dias da campanha. Participarão da ação locais já conhecidos do público como o Mercado do Peixe, o Mercado Municipal e o Caminhão do Peixe.
 
Em Joinville, a Secretaria da Agricultura e Meio Ambiente realizará a divulgação e mobilização dos agentes da cadeia produtiva. A Secretaria da Educação anunciou também a participação com pescado na merenda escolar. A Secretaria da Assistência Social oferecerá pescado nos restaurantes populares, além da elaboração de um concurso entre pratos à base de pescado e material de divulgação comunicando os benefícios do consumo. 
 
Já a Secretaria da Cultura e do Turismo do município fará ação na mobilização e divulgação da Semana nos food service da área rural e a Secretaria da Comunicação fará a divulgação das ações.
 
Na região, também confirmaram participação a Epagri, Associação Joinvilense de Aquicultores (AJAq), Colônia de Pescadores Z-032 do Morro do Amaral, Associação de Turismo Eco-Turismo Rural de Joinville (ATERJ), Frigorífico Pescados Piraí, Recanto Gil, Recanto Diamante, Família Hattenhauer, Café Paris, Pesque-truta Nossa Senhora Aparecida, Pesque-pague Piraí, Pista do Brema, Pesque-pague Zoller, Peixaria do Roque, Supermercado Giassi, Pesque-pague Chácara São Francisco, Pesque-pague 3 Lagoas, Pesque-pague Roda d'Água, Caminho das Águas e Pesque-pague 7 Lagoas.
 
 
Empresas também se mobilizam
 
Mobilizando toda a cadeia de pescado no Brasil, a Semana do Pescado também é um período muito aguardado pelas  empresas do setor. Em entrevista ao Piscishow & Avisuleite, Vicente Criscio, CEO da GeneSeas, conta que a campanha é uma data de oportunidade para todos da categoria.
 
"E esse é um momento muito propício para evidenciar a presença de pescado como uma opção viável para o dia a dia do brasileiro. Desta forma, em campanha, aproveitamos para promover nossas linhas de produto B2C. Acredito que a Semana do Pescado gere um movimento de crescimento em meio a tantas opções de proteínas no mercado. Por isso, creio que a tendência para a categoria sempre será de subida, principalmente se promovermos cada vez mais eventos e ativações como esta", falou.
 
Para ele, a campanha também pode contribuir para a democratização do pescado. "Nesses momentos, varejos e empresas da categoria dão maior visibilidade para essa proteína e oferecem descontos tentadores para o consumidor final. É uma democratização que, como grupo e empresa produtora, sonhamos em atingir: evoluir nos processos para impactar na redução do preço final que o brasileiro pagará", disse. 
 
Já para o consumidor, ele descreve que a Semana do Pescado é uma oportunidade de ampliar o conhecimento sobre as diversas espécies e tipos de pescado. "Em geral, os produtos vindos do mar têm um % de saudabilidade natural e isso é ótimo. A busca por alimentos mais saudáveis e funcionais, acabou saindo da zona de 'trend' e entrou para a realidade da mesa do brasileiro. O Brasil é rico em produtos naturais e saudáveis e acredito que a redução dos preços e a divulgação das vantagens nutricionais permitem isso", completou.
 
 
A Giro News conta que para a campanha deste ano, a empresa vai de encontro às tendências de mercado e aposta em cashback. Consumidores que comprarem produtos do grupo GeneSeas (Tilly, DellMare e Saint Peters) receberão o cashback por meio de um aplicativo e poderão usar o crédito no que quiserem.
 
Além disso, a campanha de GeneSeas deste ano trará o conceito criativo "Um mundo de sabores com pescados", que objetiva mostrar o quanto o pescado está presente em outros continentes, países e culturas. E para incentivar ainda mais o consumo de pescado nesse período, GeneSeas disponibilizará em seu canal do YouTube receitas do mundo todo gravadas pela escola de culinária de São Paulo Wilma Kövesi.
 
O Piscishow & Avisuleite também informa que a Camil, dona das marcas Coqueiro e Pescador, especialistas em atuns e sardinhas enlatados no Brasil, preparou uma série de ações de marketing que visam mostrar os benefícios desses produtos para os consumidores, ressaltando que por serem saudáveis e versáteis, os pescado são uma ótima opção para o dia a dia dos brasileiros, podendo ser usados em diversos tipos de receitas.
 
Entre as ações estão: tabloides temáticos, posts nas redes sociais, ação com influenciadores e divulgação de um guia com mitos e verdades sobre os pescados em lata para a imprensa, e outras execuções diferenciadas no ponto de venda.
 
Brazilian Fish, empresa do Grupo Ambar Amaral, disse que já distribuiu milhares de folders nos seus restaurantes parceiros nos Estados de São Paulo e Goiás. Conforme a empresa, a ideia é que as belas imagens de pratos com tilápia possam incentivar o consumo de pescado. Para a campanha, ainda haverá a distribuição de mais de 50 displays para freezers dos supermercados de São Paulo.
 
As ações da marca também acontecerão nas redes sociais com receitas durante os 15 dias de campanha. Já em Santa Fé, onde a empresa está localizada, peixes confeccionados em EVA com suporte de palitos de churrasco foram espalhados nos canteiros da principal avenida da cidade. Também serão colocadas placas informando spbre a Semana com o propósito de chamar a atenção dos munícipes para o consumo de peixes.
 
Já a Alaska Seafood Marketing Institute (ASMI) anunciou que estão sendo programadas ações com promotores em diversos pontos de vendas pelo País. Em São Paulo, por exemplo, as ações acontecerão nas lojas Pão de Açúcar, BIG e Sam's Club com produtos da Noronha Pescados. Ainda no Estado, as redes Atacadão, Carrefour, Sacolão, Sam's Club e Sonda realizarão ações com produtos do Bom Porto.
 
Em Pernambuco, as programações estão definidas para o Carrefour e BIG, com produtos da Noronha Pescados. Já na Bahia, a Noronha também realizará ações no BIG. E em Minas Gerais, as promoções serão no Verdemar .
 
No Distrito Federal, a rede Malunga recebe ações com produtos da Komdelli. E em Recife, estarão nas lojas de RM e ExtraBom.
 
Para a Semana do Pescado, a ASMI ainda realizará Podcast com programação especial: 
 
Podcast Caiu na Rede é Peixe - programação especial
01/09: Semana do Pescado: o que é e como participar? 
Convidado: Pedro Pereira (Brascod)
08/09: Desafios e oportunidades no mercado brasileiro de pescado
Convidado: Ricardo Torres (Seafood Brasil)
15/09: Como escolher o seu peixe?
Convidada: Suzana Emy (Chef Executiva da JBS)
 
Também faz parte da programação da ASMI para o período ações com influencers e conteúdos nas suas plataformas digitais.
 
Créditos da imagem: Divulgação

, ASMI, BIG, Brazilian Fish, carrefour, COOP, extra, Geneseas, Grupo Ambar Amaral, Noronha Pescados, tilápia

 
BaresSP publicidade 980x90 bares
 

Notícias do Pescado

 

 

 
SeafoodBrasil 2019(c) todos os direitos reservados. Desenvolvido por BR3